Compliance

A Roménia acelera a digitalização do seu sistema tributário

compliance romania

A Roménia decidiu modernizar o seu sistema tributário através de um conjunto de medidas orientadas para digitalizar os processos de declaração de informação fiscal.

Entre os projetos da ANAF encontra-se a implementação do sistema SAF-T, da faturação eletrónica e da declaração eletrónica de tickets.

Todas estas medidas se enquadram no projeto “Fortalecimento da capacidade da Agência Nacional de Administração Fiscal para apoiar iniciativas de modernização” empreendido pela Agência Nacional de Administração Fiscal – ANAF.

De todas as iniciativas, o projeto SAF-T para a declaração de informação fiscal e contabilística é o mais avançado. Para escolher o formato de declaração mais adequado, procedeu-se à análise dos diferentes modelos desenvolvidos noutros países europeus como o SAF-T Portugal ou o SAF-T Polónia. Num comunicado, a ANAF informou que pretende ter concluído o desenvolvimento do seu sistema TI para SAFT em julho de 2021.  

A implementação do SAFT, afirma a ANAF, “contribuirá para assegurar a equidade na realização das atividades económicas, assim como para melhorar o cumprimento voluntário ao reduzir o esforço de ambas as partes (administração e contribuintes) relativamente à atribuição de recursos humanos e materiais”.

Além disso, a presidente da ANAF, Mirela Calugareanu, adiantou que pretende iniciar um projeto piloto voluntário em setembro e, posteriormente, tornar o uso obrigatório de forma escalonada a partir de janeiro de 2022.

Relativamente à outras iniciativas, e embora os requisitos técnicos e legais ainda não tenham sido publicados, sabe-se que a intenção do governo é desenvolver um sistema de faturação eletrónica B2B, B2G e B2C. Sabe-se também que a declaração eletrónica dos tickets emitidos (e-Reporting Point of Sale) entrará em vigor em 30 de junho para grandes contribuintes e em 30 de novembro para as restantes empresas.

 

Saiba mais sobre os potenciais benefícios para a sua empresa.

Contacte um representante da EDICOM.

Pode também estar interessado em ler sobre...

Como é que a declaração SAF-T funciona na Roménia?

A partir de 2022, todas as empresas na Roménia terão de declarar as suas informações fiscais através de SAF-T

Portugal torna obrigatória a declaração do ficheiro de SAF-T de Contabilidade

No ano de 2024, os contribuintes portugueses devem declarar eletronicamente o ficheiro contabilístico SAF-T à AT.

A Noruega lança uma nova declaração fiscal eletrónica

O novo vat reporting afetará as empresas com um volume de negócios superior a 50 000 NOK.