e-Reporting en Francia

Em França, as empresas terão de transmitir à administração uma série de dados sobre as transações, em função do tipo de transação comercial realizada.

Novo sistema de e-Reporting em França

e-Reporting é o novo sistema de transmissão de dados das transações estabelecido pela Direction Générale des Finances Publiques (DGFiP) no âmbito do projeto de generalização da faturação eletrónica.

A obrigação de declaração eletrónica segue o mesmo calendário que a fatura eletrónica B2B. As declarações eletrónicas afetam todas as empresas que realizam transações B2C e B2B a nível internacional.

Grandes e médias empresas

Grandes e médias empresas

Obrigação de emissão de faturas eletrónicas e de apresentação de declarações electrónicas para as grandes e médias empresas.

Obrigação de receber faturas eletrónicas para todas as empresas.

PMEs e microempresas

PMEs e microempresas

Obrigação de emitir faturas eletrónicas e de apresentar declarações eletrónicas para as PMEs e microempresas.

Quais são as operações afetadas pelas e-Reporting?

Dados relativos às transações B2C

Inspirando-se em países como Espanha, a DGFiP também propôs informar sobre as transações B2C. A proposta inclui 3 cenários diferentes, em função da infraestrutura tecnológica das empresas.

  • Se a empresa utilizar um software de ponto de venda (POS): deve declarar um resumo de todos os recibos emitidos durante o dia, denominado recibo Z.

  • Se a empresa emitir faturas eletrónicas: pode transmitir os dados de faturação requeridos para a administração, através do mesmo canal utilizado no circuito de fatura eletrónica B2B, sem os transmitir para o cliente final.

  • Se a empresa não possuir um sistema informático: deve enviar um resumo das operações realizadas no período (a cada dez dias ou a cada mês).

Dados relativos às transações B2B à escala internacional

A informação sobre as operações seguintes deve ser enviada para a administração:

  • As entregas intracomunitárias de bens e serviços.

  • As exportações realizadas a favor de empresas de fora da UE.

  • As operações destinadas a comunidades ultramarinas.

  • As aquisições intracomunitárias.

Solução EDICOM - eReporting em França

FAQ sobre E-Reporting em França

Todas as empresas que realizam transações B2C e B2B a nível internacional. São operações que não geram faturação e/ou que não se realizam entre sujeitos passivos do IVA.

A obrigação associada ao e-reporting segue o mesmo calendário que a fatura eletrónica B2B:

  • Setembro de 2026 para as grandes e médias empresas.
  • Setembro de 2027 para as PME e microempresas.

As operações afetadas pelas declarações eletrónicas são as transações realizadas num âmbito B2B internacional e as transações B2C.

A frequência de apresentação depende do regime fiscal a que estiver sujeita cada empresa.

Para as empresas sujeitas ao regime fiscal normal, devem realizar-se 3 transmissões por mês, num prazo de 4 dias a partir do 10º, 20º e do último dia do mês.

As empresas com um regime fiscal especial têm de apresentar uma declaração eletrónica mensalmente, nos 7 dias após o fim do mês.

A principal diferença entre a declaração eletrónica e a faturação eletrónica reside nas transações envolvidas. A faturação eletrónica aplica-se às operações entre sujeitos passivos estabelecidos em França inseridos no âmbito de aplicação do IVA e a que se aplicam as normas de faturação francesas.

As operações afetadas pelas declarações eletrónicas são as transações realizadas num âmbito B2B internacional e as transações B2C.

As empresas estrangeiras não estabelecidas em França podem estar sujeitas à obrigação de declaração eletrónica, sempre que se considere que as operações se realizam e estão sujeitas ao IVA em França. O mais frequente é tratar-se de operações realizadas com um particular ou uma associação tributáveis em França (por exemplo, vendas à distancia de bens intracomunitários).

Descobrir as notícias mais recentes sobre e-Reporting

Livro branco sobre a faturação eletrónica B2B e e-Reporting em França

Pode consultar as principais informações sobre o futuro sistema de faturação eletrónica B2B e as suas últimas atualizações neste Livro branco. (em inglês)

Apenas são admitidos domínios corporativos

Os dados pessoais recolhidos serão utilizados pelas empresas do Grupo EDICOM para atender às consultas efetuadas e/ou gerir os serviços solicitados. Você pode exercer os direitos de acesso, retificação, oposição, limitação e portabilidade de seus dados de acordo com as disposições da política de privacidade.

O nome não pode estar vazio É preciso entrar na empresa Deve introduzir um número de telefone É necessário introduzir uma descrição Terá de introduzir a sua posição Aceite as condições

Precisa de enviar declarações de IVA para vários países?

A plataforma da EDICOM simplifica os processos de comunicação com as autoridades fiscais em contextos multinacionais. Uma solução multipadrão e multiprotocolo que se adapta aos principais sistemas ERP do mercado.

 

Espahna - SII

Suministro Inmediato de Información

Reino Unido - MTD

Making Tax Digital

Portugal - SAFT PT

Standard Audit Tax Purposes

Hungria - RTIR

Real Time Invoice Reporting

Grécia - myDATA

My Digital Accounting & Tax Application

Lituânia i.MAS

Smart Tax Administration System

Noruega - SAFT

Standard Audit Tax Purposes

Roménia - SAFT

Standard Audit Tax Purposes

Polónia - SAFT

Standard Audit Tax Purposes

França SAFT

Transmissão de dados de transacção

Notícias sobre cumprimento fiscal

Polónia: Faturação eletrónica B2B através da plataforma KSeF

O lançamento obrigatório da faturação eletrónica B2B, inicialmente previsto para 1 de julho de 2024, foi adiado

Declaração do ficheiro SAF-T de contabilidade em Portugal

Em 2026, os contribuintes portugueses devem declarar eletronicamente o ficheiro contabilístico SAF-T à AT.

Como funciona o novo sistema de e-Reporting em França

No próximo mês de janeiro entrará em vigor o novo sistema de e-Reporting francês: divulgamos todos os pontos-chave.

Envie-nos os seus dados de contato e contactá-lo-emos imediatamente.

Entre em contato com um dos nossos especialistas e esclareça todas as suas dúvidas em relação às nossas soluções.

Falamos?

general.form.error.email

Os dados pessoais recolhidos serão utilizados pelas empresas do Grupo EDICOM para atender às consultas efetuadas e/ou gerir os serviços solicitados. Você pode exercer os direitos de acesso, retificação, oposição, limitação e portabilidade de seus dados de acordo com as disposições da política de privacidade.